II Workshop de formação em Treinamentos ao Ar Livre

Oportunidade única para você aprender a projetar, realizar e avaliar Treinamentos Experienciais ao Ar livre. Imperdível para quem trabalha ou pretende trabalhar com treinamentos. Saiba mais

Economia Comportamental

Há Psicólogos atuando nos projetos de mudança propostos por Obama. Clique aqui e saiba mais sobre Economia Comportamental e os planos do presidente americano.

Palavras chave: função da Educação

Alfabetização digital: Do ensino técnico ao ensino ético

A definição de objetivos de ensino é um problema a ser constantemente examinado por todos os profissionais relacionados à Educação e também um problema da Sociedade. Recente discussão na Inglaterra acerca da alfabetização digital no ensino infantil evidenciou debate sobre objetivos de ensino nesse nível de ensino.

comp1Que competências as crianças egressas do ensino infantil já devem ser capazes de apresentar? Tradicionalmente (ao menos no Brasil) o ensino infantil prioriza o desenvolvimento social (socialização) da criança, comportamentos básicos de higiene, iniciação a alfabetização e ao desenvolvimento de competências artísticas, musicais, culturais, afetivas, científicas e religiosas. A proposta de Jim Rose, consultor contratado pelo governo britânico envolve também o ensino de utilização de ferramentas digitais como a wikipédia, blogs,  twitter, entre outros recursos cada vez mais comuns na internet. (leia reportagem publicado no portal G1 logo abaixo)

A função da Educação é capacitar pessoas a lidar de maneira mais efetiva e afetiva com o seu mundo. Considerando que as novas tecnologias já fazem parte do dia-a-dia das crianças, parece ser importante a formação para lidar com esse pedaço virtual do mundo no qual vivemos.

comp2Muitas crianças talvez já cheguem ao ensino infantil dominando, no sentido técnico, o uso de algumas dessas ferramentas web. E, é mais comum ainda, que crianças no ensino fundamental (após o infantil) utilizem recursos como blogs, twitter ou redes sociais virtuais. Criar condições para que qualquer criança possa fazer uso dessas tecnologias pode ser uma forma importante de diminuir a exclusão social ou o abismo que separa ricos de pobres. O ensino “técnico” desses recursos, de fato, parece ser algo importante de ser inserido nos currículos escolares.

Mas, o que gostaria de destacar não é o desenvolvimento das competências técnicas ou operacionais relacionadas a essas ferramentas de web. O principal papel que as Escolas deveriam desempenhar é o ensino de competências éticas relacionadas ao uso desses recursos virtuais.

comp3Qual a função de um blog? Que tipos de informações não parecem ser apropriadas de serem divulgadas? Como tratar amigos e visitantes de seu site? Será que é apropriado utilizar imagens achadas no google no seu blog? Será que uma mensagem no twitter pode criar problemas no relacionamento com um amigo? Será que determinadas informações disponíveis em redes sociais não podem colocar a família em risco? Será apropriado copiar textos publicados em outros sites no seu blog? Ou em que situações seria apropriado? Entre tantas outras questões que parecem ser importantes de serem examinadas por nossos alunos em diferentes níveis de ensino.

Desenvolver a dimensão ética do uso dessas novas tecnologias parece ser ainda uma grande carência em nosso país (e também em outros). Diariamente são noticiados casos de abusos pela internet que acabam por lesar crianças, jovens e mesmo adultos. Talvez uma melhor formação ética pudesse prevenir grande parte desses problemas…

O desenvolvimento técnico precisa ser acompanhado do desenvolvimento ético. Essa parece ser a única forma de a Educação preparar cidadãos para lidar mais efetiva e afetivamente com o seu mundo.

.

Currículo escolar no Reino Unido deve incluir aulas de Twitter e Wikipedia (fonte: G1)

comp4Proposta seria a maior mudança no ensino primário em uma década.
Alunos deverão deixar a escola primária familiarizados com a web.

O currículo das escolas primárias no Reino Unido deve incluir aulas sobre o Twitter (serviço de microblog) e Wikipedia (enciclopédia colaborativa on-line), de acordo com reportagem do jornal “The Guardian”.

Se aprovada, a proposta seria a maior mudança no ensino primário em uma década. Além de permitir maior flexibilidade para as escolas, ela traz especificações sobre o que os alunos devem acumular de aprendizagem até os 11 anos.

A proposta foi elaborada por Jim Rose, ex-chefe de Ofsted (órgão criado em 1992 para inspecionar o padrão das escolas e professores na Inglaterra), que foi nomeado pelo governo para revisar a grade curricular do ensino primário.

O documento também enfatiza áreas tradicionais de aprendizagem, como história, matemática e inglês, mas inclui o estudo dos meios de comunicação modernos, buscando dar uma maior ênfase à educação ambiental.

Segundo o documento que o “Guadian” teve acesso, os alunos deverão deixar a escola primária familiarizados com os blogs, podcasts, Wikipedia e Twitter. Além disso, devem saber usar o teclado do computador e o corretor ortográfico.

Propaganda:

Eventos

XX Encontro da Associação Brasileira de Psicologia e Medicina Comportamental
De 07 a 10 de setembro de 2011 em Salvador - BA. Saiba mais

V Encontro Paranaense de Análise do Comportamento
Data a confirmar - em Maringá - PR. Saiba mais

Grupo de Estudos em Análise do Comportamento
Toda quarta, das 12h30 as 13h30 na Universidade Positivo, Curitiba - PR.